ESQUECERAM DE MIM DA 'VIDA REAL': CONHEÇA O CASO DE BRAYDON SMITH

Sozinho em casa durante a manhã de uma sexta-feira, o menino de 12 anos fez o impensável para espantar um ladrão


Internet 200Mega por 49,90 - É na SimNet - Confira Condições


Para quem conhece o clássico filme "Esqueceram de mim", de 1990, pode parecer impossível a saga de um garotinho que salva sua casa de ladrões. Só que, para Braydon Smith, o longa representou um episódio que ele mesmo presenciou.

No dia 14 de junho de 2019, o enredo do filme pareceu virar realidade quando o menino de 12 anos criou coragem o suficiente para espantar um jovem que invadiu sua casa. Com um rápido raciocínio, Braydon manteve-se tranquilo para agir rapidamente.

O mais impressionante da história, no entanto, é a forma como o garoto protegeu a casa de sua família. No final, ele não apostou nas pegadinhas usadas por Kevin ao longo do clássico filme, mas sim em uma arma bastante improvável.


Sozinho em casa


A manhã de terror começou quando o pai de Braydon saiu para trabalhar, segundo a People. Normalmente, o menino não ficava sozinho em casa, mas uma confusão na agenda da família fez com que os responsáveis confundíssem a data de uma viagem.


Internet 200Mega por 49,90 - É na SimNet - Confira Condições


Ao invés de ir para o acampamento de verão, então, o garoto ficou sozinho naquela sexta-feira. Por volta das 11 horas, Braydon estava jogando videogame quando escutou batidas esquisitas vindas da porta de entrada.


Pela janela, o menino viu um jovem e outras duas mulheres conversando no jardim, esperando que alguém atendesse ao chamado. Desconfiado, ele ligou para a mãe, pediu que ela chamasse a polícia e, então, escondeu-se atrás da porta de seu quarto.


Frieza nas ações


Em questão de alguns minutos, Braydon escutou uma das janelas da casa abrindo e fechando, enquanto o jovem assaltante invadia a residência. Não demorou até que Jataveon Dashawn Hall, de 19 anos, encontrasse a criança escondida.


Com dois rifles descarregados, que pertenciam ao pai de Braydon, o invasor ameaçou o menino e exigiu que ele entrasse no armário. Como sabia que sua vida não estava realmente em perigo, o garoto manteve a calma e fez como foi mandando.


Acontece que, poucos dias antes, Braydon havia comprado uma enorme faca junto do pai, a fim de levar a arma para o acampamento — ela seria usada para abrir caminhos na mata. Com um plano em mente, então, ele esperou que Jataveon saísse do quarto.


Um desfecho inesperado


Agindo rapidamente e com uma coragem que nem ele mesmo sabe de onde saiu, Braydon perseguiu o assaltante pela casa e lhe deu um golpe na nuca. Abalado e perdendo muito sangue, Jataveon rapidamente desistiu do roubo e fugiu da casa.


Internet 200Mega por 49,90 - É na SimNet - Confira Condições


Em entrevista ao ABC 11 na época, o menino de 12 anos disse ter agido de forma “instintiva”, ele sabia que precisava proteger a casa. Jataveon, por sua vez, foi até o hospital mais próximo e acabou sendo detido pela polícia, no domingo, dia 16.


Segundo o Centro de Detenção do Condado de Orange, o criminoso foi acusado de invasão, sequestro de segundo grau e agressão contra o menino. Por fim, a polícia passou a procurar pelas outras duas mulheres que acompanhavam Jataveon no dia.

9 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
logo novo SimNet.png
mundo-suas-mãos---box-site-200.jpg